Skip to main content

Delta News Hub Logo

Mais 20% de clientes do que há dez anos e mais de 270 voos transatlânticos/dia são alguns dos resultados de uma década de uma bem-sucedida parceria transatlântica

A Air France, a KLM e a Delta Air Lines a estão a celebrar os 10 anos da sua bem-sucedida cooperação transatlântica, parceria que continua a liderar o sector e a definir uma tendência para outros seguirem.

Em conjunto e ao longo da última década, as três companhias aéreas atingiram novos patamares, à medida que foram inaugurando novas rotas entre a Europa e a América do Norte e melhorando o serviço ao cliente. Construída em torno de uma rede de sete hubs – 5 nos Estados Unidos e 2 na Europa – a parceria abrange rotas entre o Canadá, Estados Unidos, México e Europa.

"Em 10 anos, a nossa parceria norte-atlântica tornou-se no paradigma do que uma parceria aérea pode ser e o que pode oferecer aos clientes", afirmou Patrick Alexandre, Vice-Presidente Executivo Comercial, Vendas & Alianças do Grupo Air France-KLM. “O sucesso da nossa joint-venture com a Delta resulta da nossa oferta múltipla e combinada, adaptada a todos os clientes, do B2C (ao consumidor final) ao trade e às empresas. Em conjunto com as nossas equipas comerciais integradas, pretendemos proporcionar o melhor serviço aos clientes ao longo de todo o seu percurso. Estamos muito orgulhosos com as nossas conquistas e esperamos expandir ainda mais a nossa joint-venture”.

Alguns elementos a destacar:

  • Os clientes têm beneficiado, já que a parceria apresenta mais de 38 voos num dia de pico entre a América do Norte e a Europa face ao que acontecia há 10 anos, elevando o número de voos transatlânticos para mais de 270 por dia.
  • É agora mais fácil unir destinos entre a América do Norte e a Europa, devido a mais ligações hub-to-hub, como Detroit-Paris ou Atlanta-Amsterdão, que oferecem múltiplos voos de continuação.
  • Estas parcerias abriram igualmente novas ligações entre pares de cidades EUA – Europa, que não seriam possíveis de outra forma, incluindo entre cidades sem hubs como Indianápolis, Raleigh/Durham e Dallas-Fort-Worth, para Paris e Tampa-Amesterdão.
  • Os clientes elegíveis podem usar a maior rede de lounges em toda a América do Norte e na Europa.
  • Existem oportunidades para ganhar e gastar milhas de voo numa série de benefícios, incluindo upgrades de voos em cada um dos programas de passageiros frequentes.
  • Os parceiros transportam mais 20% de clientes hoje face ao que se verificava há 10 anos.

“Temos vários motivos para estarmos orgulhosos com estes 10 anos de parceria transatlântica. A chave para o nosso sucesso tem sido a inovação e o compromisso com a melhoria da experiência dos nossos clientes”, garantiu Steve Sear, Presidente Global e Vice-Presidente Executivo de Vendas da Delta. “Os clientes tem desfrutado do nosso premiado serviço e da integração estreita dos nossos sistemas e equipas no aeroporto, de vendas, centros de atendimento e back-office. Mais recentemente, expandimos a cooperação de forma a incluir a África, melhorando as nossas opções de viagem para novos e atuais clientes.”

A parceria entre a Delta, a Air France e a KLM tem a sua origem num acordo anterior entre a KLM e a Northwest Airlines. Na sequência do acordo Open Skies entre os EUA e a União Europeia em 2007 e a fusão entre a Delta e a Northwest Airlines, o Grupo Air France-KLM e a Delta anunciaram a sua joint-venture de longo-prazo a 20 de maio de 2009. Um ano mais tarde, a Alitalia juntou-se à parceria, oferecendo novas oportunidades de viagem entre a América do Norte e Itália. O ano passado, a Delta investiu 375 milhões para adquirir uma posição de 10% no Grupo Air France-KLM.

Português (Portuguese)