Médicos voluntários podem viajar gratuitamente para Nova York como parte do apoio da Delta aos profissionais da área médica que estão na linha de frente do combate à COVID-19 nas áreas atingidas nos Estados Unidos.

O oferecimento de viagens gratuitas para Nova York é uma expansão do programa que a companhia lançou em 1º de abril em parceria com os Estados da Geórgia, Louisiana e Michigan. Médicos voluntários que se qualificam para o projeto podem reservar voos de ida e volta gratuitos da Delta para os quatro Estados, onde trabalharão com os escritórios dos governos estadual e local para serem alocados em hospitais da região. A empresa aérea continua considerando a expansão desse programa, conforme necessário.

Nova York é o Estado mais atingido nos Estados Unidos, e os líderes estaduais e locais pediram voluntários para ajudar a apoiar as instalações médicas da região. Os profissionais de saúde licenciados interessados ​​em ajudar em Nova York devem se inscrever através do site do Estado.

"Nova York está no epicentro da luta contra a COVID-19, e estamos trabalhando com o Estado para garantir que as viagens não sejam uma barreira para os médicos voluntários que desejam ajudar", disse o CEO da Delta, Ed Bastian. "Somos profundamente gratos pelo apoio da Deloitte a esse programa e especialmente aos profissionais médicos, que são heróis e estão trabalhando incansavelmente e desinteressadamente para nos manter a salvo".

A Deloitte, a maior empresa de serviços profissionais do mundo, está ajudando nesse esforço doando os saldos de bilhetes não utilizados da empresa de modo a financiar a viagem de profissionais médicos a Nova York e outras áreas.

"Na Deloitte, somos guiados por nosso objetivo de causar um impacto importante para a sociedade e agora, mais do que nunca, somos convocados a cumprir esse compromisso", disse Punit Renjen, CEO global da Deloitte.

"Somos gratos por colaborar com a Delta para doar nossos créditos de voos não utilizados e assim ajudar mais profissionais da área médica a viajar para a linha de frente dessa luta, seja em Nova York ou em outros pontos importantes".

 

Elegibilidade e informações de contato

A elegibilidade e os detalhes do programa de voluntariado são gerenciados pelos Estados participantes, e os representantes estaduais fornecerão aos participantes aprovados instruções sobre como fazer uma reserva. A Delta está oferecendo os voos durante o mês de abril, e eles podem ser reservados até três dias antes da viagem.

Médicos voluntários interessados ​​em ajudar em qualquer um dos quatro locais devem entrar em contato com os escritórios estaduais abaixo para verificar sua elegibilidade com base nas necessidades específicas de cada Estado.

Geórgia: Interessados ​​podem saber mais entrando em contato pelo e-mail [email protected].

Louisiana: Entre em contato com a Louisiana Hospital Association em [email protected].

Michigan: Os voluntários podem visitar Michigan.gov para obter mais informações.

Nova York: Inscreva-se em https://apps.health.ny.gov/pubpal/builder/survey/retired-health-professional.

 

Medidas da Delta para responder à COVID-19

No espírito do distanciamento social, a Delta está bloqueando a utilização dos assentos do meio, reduzindo o número de clientes em cada voo e interrompendo antecipadamente os upgrades automáticos gratuitos do Medallion, entre outras iniciativas. Manter os funcionários e os clientes seguros durante suas viagens é a prioridade máxima da Delta, e a companhia está tomando várias medidas para garantir que os aviões e as instalações estejam limpos. Saiba mais sobre como a Delta está protegendo clientes e funcionários desde o momento em que a viagem começa e veja em detalhes o processo de nebulização da aeronave e o funcionamento dos filtros HEPA a bordo do avião.

 

A Delta também está ajudando de outras maneiras:

A Delta tem um histórico de uso de suas aeronaves para responder a situações de emergência e ajudar no alívio de desastres.

Related Topics:
Share