Por meio de sua subsidiária Delta Flight Products e auxiliada por sua divisão Delta TechOps, a Delta aumentou a produção de protetores faciais de plástico essenciais para 1.500 por dia, a caminho da meta de fazer diariamente 5.000 equipamentos para apoiar o setor de saúde durante a pandemia de COVID-19.

Delta Face Shields

A fabricação de protetores faciais continua em parceria com o Global Center for Medical Innovation, afiliado ao Instituto de Tecnologia da Geórgia (Georgia Tech), que coordena a distribuição para hospitais nos Estados Unidos, incluindo Atlanta e Nova York, cidades que abrigam os principais hubs da Delta.

Os profissionais médicos do Children's Healthcare of Atlanta receberam máscaras esta semana e tiraram um momento para expressar sua gratidão, compartilhando uma foto e dizendo: "Obrigado, Delta, por nossos protetores!"

A seguir, as equipes esperam entregar 20.000 equipamentos para as instalações médicas da Veterans Affairs na Geórgia, no Alabama e na Carolina do Sul.

"Enquanto nossos colaboradores ampliam seus esforços e expandem a produção, mostra-se mais um ótimo exemplo da cultura de cuidado que a Delta pratica", disse Don Mitacek, Vice-Presidente Sênior de Operações Técnicas. "É muito significativo apoiarmos diretamente os milhares de heroicos profissionais de saúde e médicos que combatem essa pandemia todos os dias".

De maneira eficiente, os protetores faciais de plástico prolongam a vida útil das máscaras N95 e são uma parte essencial do equipamento de proteção individual para profissionais da área médica. A peça também fornece uma barreira adicional para outros riscos potenciais em ambientes médicos.

Share