ATLANTA, 22 de abril de 2020 – A Delta Air Lines, Inc. (NYSE: DAL) (a "Companhia" ou "Delta") anunciou hoje que pretende iniciar uma oferta privada a compradores qualificados de US$ 1,5 bilhão em valor principal agregado de notas garantidas sênior com vencimento em 2025 (aqui chamadas de "Notas”), sujeita a questões de mercado e outras condições. A Companhia também divulgou a intenção de entrar em uma nova linha de empréstimo a prazo no valor de US$ 1,5 bilhão, com vencimento em 2023 (aqui denominada “Nova Linha de Crédito”), o que ocorreria simultaneamente ao fechamento da oferta de Notas.

A Companhia pretende utilizar os recursos líquidos da oferta de Notas e empréstimos sob a Nova Linha de Crédito para fins corporativos gerais e reforçar sua posição de liquidez. Os termos e valores finais das Notas e da Nova Linha de Crédito estão sujeitos ao mercado e a outras condições, e podem ser materialmente diferentes das expectativas. A oferta das Notas não depende do fechamento da Nova Linha de Crédito.

As Notas e a Nova Linha de Crédito serão obrigações pari passu (ou seja, concomitantes) asseguradas por um conjunto diversificado de garantias que inclui slots, portões e rotas constituídas por slots domésticos nos aeroportos de Nova York-JFK, Nova York-LaGuardia e Reagan National, além dos slots em Heathrow, rotas de Londres e outras rotas europeias e latinoamericanas.

Este comunicado à imprensa não é uma oferta de venda, nem a solicitação de uma oferta para comprar as notas ou quaisquer outros valores mobiliários e não constitui uma oferta, solicitação ou venda em nenhuma jurisdição na qual essa oferta, solicitação ou venda seria ilegal. As notas estão sendo oferecidas nos Estados Unidos apenas a compradores institucionais qualificados em uma oferta isenta de registro, de acordo com a Regra 144A, presente na Lei de Valores Mobiliários de 1933, conforme sua alteração (a “Lei de Valores Mobiliários”), e fora dos Estados Unidos com base no Regulamento S da Lei de Valores Mobiliários. As notas não foram registradas de acordo com a Lei de Valores Mobiliários ou qualquer lei estadual sobre valores mobiliários e não podem ser oferecidas ou vendidas nos Estados Unidos sem registro ou isenção aplicável dos requisitos de registro da Lei de Valores Mobiliários ou de qualquer lei estadual aplicável. Este comunicado de imprensa está sendo emitido nos termos e de acordo com a Regra 135c da Lei de Valores Mobiliários.

Declarações Prospectivas

As declarações contidas neste comunicado à imprensa que não são fatos históricos, incluindo declarações sobre nossas estimativas, expectativas, crenças, intenções, projeções ou estratégias para o futuro, podem ser "declarações prospectivas", conforme definidas na Lei de Reforma de Litígios de Valores Mobiliários de 1995. Todas as declarações prospectivas envolvem uma série de riscos e incertezas que podem causar resultados reais materialmente diferentes das estimativas, expectativas, crenças, intenções, projeções e estratégias refletidas ou sugeridas por tais declarações. Esses riscos e incertezas incluem, entre outros, o efeito adverso relevante que a pandemia de COVID-19 está causando em nossos negócios; o impacto de contrair dívidas significativas em resposta à pandemia; possíveis efeitos de acidentes envolvendo nossas aeronaves; violações ou falhas de segurança em nossos sistemas de tecnologia da informação; interrupções em nossa infraestrutura de tecnologia da informação; nossa dependência de tecnologia em nossas operações; o desempenho de nossos investimentos significativos em companhias aéreas em outras partes do mundo; as restrições que os compromissos financeiros em nossos contratos de financiamento poderiam ter sobre nossas operações financeiras e comerciais; questões trabalhistas; os efeitos do clima, desastres naturais e sazonalidade em nossos negócios; os efeitos de uma interrupção prolongada nos serviços prestados por terceiros; o custo do combustível da aeronave; a disponibilidade de combustível para aeronaves; falha ou incapacidade do seguro de cobrir uma responsabilidade significativa na refinaria de Monroe, em Trainer; o impacto da regulamentação ambiental na refinaria de Trainer, incluindo custos relacionados às regulamentações de combustíveis renováveis; nossa capacidade de reter a alta gerência e os funcionários-chave; danos à nossa reputação e marca se estivermos expostos à publicidade adversa significativa; os efeitos de ataques terroristas ou conflitos geopolíticos; condições competitivas no setor aéreo; interrupções ou paradas no serviço nos principais aeroportos em que operamos; os efeitos de ampla regulamentação governamental em nossos negócios; o impacto da regulamentação ambiental em nossos negócios; a sensibilidade do setor aéreo a períodos prolongados de condições econômicas estagnadas ou fracas; incerteza nas condições econômicas e ambiente regulatório no Reino Unido relacionados à sua saída da União Europeia.

Informações adicionais sobre riscos e incertezas que podem causar diferenças entre os resultados reais e as previsões futuras estão contidas em nossos arquivos da Comissão de Valores Mobiliários, incluindo nosso Relatório Anual no Formulário 10-K para o exercício fiscal encerrado em 31 de dezembro de 2019 e nosso Relatório Trimestral, presente no Formulário 10-Q e referente ao período trimestral encerrado em 31 de março de 2020. Um cuidado especial deve ser considerado para não depositar confiança indevida em nossas declarações prospectivas, que representam nossas opiniões somente em 22 de abril de 2020 e que não temos intenção de atualizar. Não há garantia de que a oferta proposta de notas seja concluída como previsto ou em sua totalidade.

Related Topics:
Share