Representantes da Mayo Clinic, Emory, Lysol e Purell se juntaram aos líderes da Delta, Bill Lentsch e Sandy Gordon, em um debate ao vivo no Facebook na terça-feira, 20 de setembro, para conversar com clientes e entusiastas do setor sobre como é viajar hoje.

O evento virtual, moderado pelo fundador e CEO do The Points Guy, Brian Kelly,  exibiu os muitos níveis de proteção que a Delta incorporou da entrada à saída dos aeroportos ao longo dos últimos meses, como exigir máscaras, oferecer espaço extra, limpeza rigorosa nas superfícies de alto contato e testagem dos funcionários.

O painel de discussão está disponível para reprodução na página da Delta no Facebook, neste link.

Delta CareStandard Partner Panel Image

“O Delta CareStandard (Padrão Delta de Atendimento*) tem tudo a ver com a gama de elementos que reunimos com a contribuição de nossos parceiros para construir a experiência de viagem mais confiável, limpa e segura que podemos para nossos clientes”, disse Lentsch, diretor executivo de Experiência do Cliente da Delta.

A Delta elaborou esse novo padrão de segurança com a ajuda de especialistas de cada organização presente no painel.

“Queríamos nos envolver com parceiros que são experts nesse tema porque nós não somos. Somos especialistas em voar aviões”, disse Lentsch. “Precisávamos da ajuda deles, não apenas sobre quais produtos temos de escolher e quais processos devemos reavaliar, mas como podemos nos envolver com nossos funcionários e clientes”.

Como a divisão de Limpeza Global da Delta trabalha com parceiros para aprimorar nossas práticas de segurança, nossos funcionários de linha de frente têm adotado os novos processos diariamente.

“Se você observar como nossos clientes estão respondendo e se comunicando com a Delta, fica claro que estamos fazendo algo certo. Mas o mais importante é a resposta de nossa equipe”, disse Gordon, vice-presidente sênior de Operações Aeroportuárias da Delta no oeste dos Estados Unidos. “Eles se sentem confortáveis ​​no ambiente de trabalho e têm o compromisso de garantir que a experiência de nossos clientes seja cordial, acolhedora e que eles se sintam confiantes”.

Os destaques da conversa incluíram:

  • A Delta ajustou a experiência do cliente para garantir a segurança de passageiros e funcionários durante toda a jornada de viagem, desde a exigência de uso de máscara e limpeza extensiva até o bloqueio dos assentos do meio, colocação de marcadores de distanciamento social e um novo processo de embarque. Essas mudanças fizeram uma diferença clara para os clientes: nosso Net Promoter Score (métrica interna para avaliar o desempenho dos setores da companhia junto aos clientes*) doméstico continua batendo recordes.
  • O médico Henry Ting, diretor de Valores da Mayo Clinic, falou sobre os esforços da instituição para lançar o programa de testes e retestes dos funcionários da Delta e liderar um Conselho Consultivo Integrado formado por líderes e especialistas médicos da Delta. Ele também disse que a Mayo Clinic está trabalhando com a Delta para desenvolver um novo programa para testar rapidamente os passageiros antes de embarcarem em um voo, o que poderia ajudar a permitir a reabertura segura das fronteiras e oferecer uma alternativa eficaz para quarentenas.
  • O diretor de Microbiologia e Virologia da Reckitt Benckiser (os fabricantes do Lysol), Joe Rubino, mencionou como todos os aeroportos da Delta nos Estados Unidos começaram a fornecer lenços de desinfecção Lysol para os funcionários higienizarem áreas de alto contato, com planos de lançar novos produtos de limpeza e protocolos nos próximos meses.
  • A Delta está oferecendo desinfetante de mãos para os clientes durante toda a viagem: no aeroporto, no portão de embarque e a bordo. O médico Jim Arbogast, vice-presidente de Ciências de Higiene e Avanços em Saúde Pública para os fabricantes de PURELL, explicou sobre a ciência por trás do desinfetante para as mãos, observando que o trabalho está em andamento para instalar estações com desinfetantes para as mãos na parede perto das portas de embarque e nos banheiros de todas as aeronaves Delta. A iniciativa é pioneira entre as companhias aéreas dos Estados Unidos.
  • Os viajantes e funcionários devem usar máscaras em todos os voos da Delta. O médico Carlos Del Rio, conselheiro especial de Doenças Infecciosas da Delta e  professor de Medicina da Emory School of Medicine, mencionou um estudo recente sobre a importância do uso de máscaras. “Se todos nós usarmos uma máscara durante a experiência de viagem, todos estaremos protegidos e o risco de transmissão será incrivelmente baixo, menos de 1% se fizermos as coisas da maneira certa”.
  • A Delta segue fiel ao seu valor de ter as pessoas à frente dos lucros, pois nossa prioridade é a segurança e o bem-estar de passageiros e funcionários. Gordon observou que os clientes podem voar com confiança durante a temporada de férias, sabendo que a Delta adotou uma abordagem em diferentes níveis e está bloqueando os assentos do meio  pelo menos até 06 de janeiro de 2021.

*Notas do editor.

Share