A Delta Air Lines e a LATAM Airlines Group S.A. e suas afiliadas (‘LATAM’) receberam do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE), no Brasil, a aprovação regulatória* para o seu Acordo de Joint Venture Transamericano (‘JVA’).

A proposta de JVA entre a Delta e a LATAM Airlines Brasil, apresentada ao CADE em 14 de julho deste ano, foi aprovada sem restrições após uma avaliação dos aspectos da livre concorrência e levando em consideração o impacto sem precedentes da COVID-19 no setor aéreo. Esta é a primeira aprovação para o acordo entre a Delta e a LATAM desde a sua assinatura em maio de 2020.

O JVA tem como objetivo conectar as malhas aéreas altamente complementares das companhias e fornecer aos clientes uma experiência de viagem única entre a América do Norte e a América do Sul, uma vez que sejam obtidas todas as aprovações regulatórias.

“Este é um marco importante no processo de aprovação do nosso acordo comercial com a LATAM, que permitirá oferecer aos clientes a melhor experiência e malha aérea das Américas”, afirma Ed Bastian, CEO da Delta. “Assim como a Delta está investindo recursos significativos para garantir que os clientes se sintam seguros ao viajar, continuamos igualmente comprometidos em assegurar para eles todos os benefícios da nossa aliança com a LATAM”.

“Apesar de permanecermos focados em dar aos clientes confiança para voar e em trabalhar para uma recuperação segura e responsável da aviação na América Latina, não perdemos de vista os nossos compromissos de longo prazo”, afirma Roberto Alvo, CEO do Grupo LATAM Airlines. “A aprovação do CADE em apenas dois meses é uma atestado dos benefícios deste acordo comercial para os clientes e para o Brasil, em mais um passo importante para oferecer aos clientes uma conectividade única nas Américas. Estamos confiantes de que esses mesmos benefícios serão reconhecidos pelas autoridades regulatórias dos outros países.”

Desde que Delta e LATAM anunciaram o seu acordo em setembro de 2019, as companhias entregaram diversos benefícios ao cliente, incluindo acúmulo/resgate recíproco de pontos nos programas de passageiro frequente, benefícios recíprocos para clientes elite, acordos de codeshare em determinadas rotas, compartilhamento de terminais em grandes aeroportos, além de acesso recíproco a 35 Salas VIP Delta Sky Club nos Estados Unidos e cinco Salas VIP da LATAM na América do Sul.

Para mais informações, visite https://pt.delta.com/br/pt/airline-partners/latam.

*A aprovação do CADE está sujeita a apelação por um período de 15 dias.

Share