Skip to main content

Delta News Hub Logo

A Delta Air Lines e a Los Angeles World Airports (LAWA) iniciaram oficialmente o projeto Delta Sky Way no aeroporto de Los Angeles (LAX): plano de US$ 1,86 bilhão da Delta para modernizar, expandir e conectar os Terminais 2, 3 e Terminal Internacional Tom Bradley (Terminal B). A construção deve começar no segundo semestre de 2018. O projeto recebeu recentemente a aprovação do Conselho de Comissários de Aeroportos da LAWA para a maior reforma de sua história, que abriu caminho para o início do Delta Sky Way no LAX.

Sky Way at LAX interiorEric Garcetti, prefeito de Los Angeles; Ed Bastian, CEO da Delta; Mike Bonin, vereador de Los Angeles; Sean Burton, Comissário da LAWA; e Deborah Flint, CEO da LAWA, celebraram hoje o marco histórico com uma coletiva de imprensa onde também compartilharam imagens das futuras instalações.

“Los Angeles está constantemente atingindo novas metas, e o lançamento do projeto de hoje cria empregos e conexões globais”, disse Eric Garcetti, prefeito de Los Angeles. “A modernização dos Terminais 2 e 3 é um investimento em nossa economia e em nossas pessoas, e a parceria da Delta está ajudando a acelerar uma era de crescimento e inovação em Los Angeles.”

“Há quase 10 anos, assumimos o compromisso de ser a principal companhia aérea de Los Angeles. Hoje, o LAX é um dos hubs mais importantes da nossa rede, onde operamos mais de 170 voos diários e conectamos mais passageiros às nossas companhias aéreas parceiras do que em qualquer outro lugar dos Estados Unidos”, disse Ed Bastian, CEO da Delta. “O projeto Delta Sky Way no LAX é uma oportunidade única de investir e transformar a experiência no aeroporto em parceria com a LAWA e a prefeitura de Los Angeles. A Delta está animada e orgulhosa por ser a primeira, não apenas em Los Angeles, mas em nossos hubs em todo o país, com mais de US$ 12 bilhões em investimentos em infraestrutura aeroportuária em projetos em andamento e para os próximos anos.”

Sky Way at LAX interior“Nosso plano é fornecer um aeroporto de padrão ouro, e um dos objetivos do nosso plano estratégico é fornecer instalações e experiências excepcionais ao mesmo tempo”, disse a CEO da LAWA, Deborah Flint. “Mesmo não sendo uma tarefa fácil, estou confiante de que, com a equipe da Delta e a nossa parceria, poderemos realizar essa visão.”

Experiência premium no aeroporto de Los Angeles

A Delta e a LAWA também divulgaram hoje imagens das futuras instalações, que mostram o interior e o exterior das áreas compartilhadas dos Terminais 2 e 3; o interior do lado de segurança do Terminal 3; e a conexão entre o Terminal 3 e o Terminal B, entre outras perspectivas.

Quando concluída, a instalação moderna oferecerá maior capacidade de verificação de segurança com faixas de segurança automatizadas, mais assentos na área de portões e um programa de concessão de classe mundial em parceria com a Westfield Corporation, além de todas as comodidades que os clientes da Delta esperam ter no LAX, incluindo o Delta ONE no check-in do LAX, o novo Delta Sky Club, e do sistema integrado de bagagens. Outros recursos e benefícios incluem:

  • Um complexo de 27 portões nos Terminais 2 e 3, com uma conexão segura para o Terminal B, permitindo que a Delta e seus parceiros utilizem os portões.
  • Nova área com saguão centralizado, ponto de inspeção de segurança e retirada de bagagens.
  • Terminal 3 totalmente reconstruído.
  • Uma ponte conveniente que ligará os Terminais 2, 3 e B no lado de segurança do aeroporto, e um ponto de inspeção de segurança e verificação de bagagem para conexão de transferências internacionais para domésticas, permitindo conexões muito mais rápidas.
  • Lojas e restaurantes.
  • Instalações de banheiros convenientes e modernas.
  • Maior acesso à energia elétrica nas áreas de portões.
  • Sinalização moderna e intuitiva.
  • Acabamentos de última geração
  • Geradores de energia de emergência para acelerar a recuperação operacional.
  • Conexão com o trem automatizado, que deverá estar em operação total em 2023.
  • Maior eficiência do aeródromo, com pistas de taxiamento duplas.

Sky Way at LAX check-in areaConveniências e aprimoramentos operacionais são o destaque nos Terminais 2 e 3

A Delta já fez uma série de aprimoramentos desde que mudou para os Terminais 2 e 3 em maio de 2017. A LAWA e a Westfield colocaram novas lojas e restaurantes no Terminal 3 em dezembro de 2017. A companhia aérea abriu um Delta ONE provisório na recepção do LAX em novembro, uma experiência de check-in exclusiva e personalizada, com uma área de recepção e corredor privado que leva os clientes diretamente à frente do ponto de inspeção de segurança, com fácil acesso ao TSA Pre-Check e às filas padrão. O programa CLEAR está disponível nos Terminais 2 e 3 do LAX; portanto os clientes com adesão ao programa CLEAR passam pela segurança do aeroporto com a verificação biométrica. A companhia aérea também instalou novos assentos confortáveis nas áreas dos portões, pensando no aumento da capacidade no verão norte-americano de 2018. Por fim, o maior espaço no Terminal 3 para os membros do Delta Sky Club será inaugurado neste verão, quase dobrando o número de assentos disponíveis.

A Delta agora opera no LAX ao lado de muitas das suas parceiras, incluindo a Aeroméxico, Virgin Atlantic e WestJet. Depois da modernização, a conexão segura para o Terminal B permitirá acesso contínuo a outras parceiras, como Air France-KLM, Alitalia, China Eastern, Korean Air e Virgin Australia.

O desempenho operacional já melhorou consideravelmente no LAX. De junho de 2017 a março de 2018, a companhia aérea melhorou sua pontualidade em 16 pontos em relação ao mesmo período do ano anterior*, em parte devido ao melhor tempo de taxiamento e operações eficientes no solo, com a mudança da passagem entre os Terminais 2 e 3 para pistas duplas, permitindo que dois aviões passem ao mesmo tempo. O tempo total de taxiamento diminuiu em mais de 8 minutos.

Sky Way at LAX interiorRecomendação para que clientes usem o Fly Delta App e cheguem cedo

Como preparação para o início da construção que começará ainda este ano, a Delta realizou uma série de projetos de capacitação, incluindo muitos já concluídos. No final do verão norte-americano, as operações de verificação de segurança no Terminal 3 serão consolidadas no ponto de controle no andar inferior do Terminal 3, enquanto a construção começa no mezanino. Os clientes devem continuar usando o ponto de verificação de segurança no andar de compra de passagens, onde os funcionários do aeroporto indicarão as respectivas filas de verificação, incluindo TSA Pre-Check, CLEAR e SkyPriority.

Os clientes são incentivados a realizar as seguintes ações para obter uma experiência mais eficiente durante o período de reforma:

  • Faça o download do aplicativo Fly Delta. O Fly Delta App oferece aos clientes acesso ao serviço de localização mais inovador do setor, com mapas e orientações de aeroportos, fornecendo aos clientes instruções passo-a-passo para chegar ao portão desejado, ou encontrar um restaurante ou mesmo a esteira para retirada de bagagens.
  • Verifique as informações sobre terminal e portão antes de entrar no LAX. Os clientes da Delta devem usar o aplicativo Fly Delta ou o website delta.com para confirmar o terminal de despacho de bagagem, que pode ser diferente do terminal de partida, e verificar as informações do portão ao chegar no aeroporto.
  • Chegue cedo. A Delta recomenda chegar duas horas antes no caso de voos domésticos e quatro horas antes para voos internacionais.
  • Em caso de dúvida, peça ajuda. A equipe da Delta de atendimento ao cliente no aeroporto está sempre disponível no caso de dúvida e fornecer direções.

Sky Way at LAX interiorA Delta continua investindo em Los Angeles

Sky Way no LAX – desde 2009, a Delta é a operadora que mais cresce no LAX, tendo investido bilhões de dólares em produtos, serviços e tecnologia para melhorar a experiência do cliente em Los Angeles e em toda a sua rede. Esses investimentos incluem a adição de refeições gratuitas na Main Cabin em rotas selecionadas de uma costa à outra, sistema gratuito de troca de mensagens móveis, sistema de entretenimento gratuito durante o voo, novo lanches na Main Cabin, inclusão de espumante no cardápio, acesso à rede Wi-Fi em quase todos os voos, novos cobertores e novas opções de refeições leves e pagas Flight Fuel. Outras atualizações recentes na experiência de voo da Delta One incluem não apenas o lançamento de novos menus da cabine, preparados por Jon Shook e Vinny Dotolo, como também os kits de amenidades TUMI com produtos Kiehl’s, a coleção de utensíveis Alessi, roupas de cama Westin Heavenly® In-Flight Bedding e os fones de ouvido LSTN com cancelamento de ruído.

A Delta lançará o voo direto do LAX para Amsterdã e Paris em junho em parceria com a Air France-KLM, proporcionando a cobertura mais ampla na Europa, com mais de 118 destinos na Europa, Oriente Médio, Índia e África. A companhia aérea também fornecerá Delta One Suite e Delta Premium Select em sua nova aeronave Airbus A350 na rota LAX-Shanghai em julho. Em 2017, a Delta lançou o voo diário sem escalas para a Cidade do México e Aeroporto Washington-Reagan, tornando-se a única companhia aérea a oferecer poltronas-cama na cabine da frente nessa rota. Além disso, a parceira Virgin Australia começou a operar voos cinco dias por semana para Melbourne usando Boeing 777-300ER. A Virgin Atlantic também lançou um terceiro voo diário de ida e volta entre LAX e Londres-Heathrow usando Boeing 787-900.

Sky Way at LAX interiorOs 4.200 funcionários da Delta em Los Angeles estão totalmente integrados à comunidade, trabalhando com dezenas de organizações e apoiando causas que são conhecidas e que têm o apoio da população local, incluindo: AIDS Walk Los Angeles, Children’s Hospital Los Angeles, Covenant House California, Habitat for Humanity of Greater Los Angeles, Junior Achievement of Southern California, KaBOOM!, LA Regional Food Bank e The Motion Picture and Television Fund, entre outras.

A Delta já investiu mais de US$ 7 bilhões em projetos para aeroportos desde 2006 e, com seus parceiros aeroportuários, a Delta também está envolvida em outros projetos de infraestrutura no valor de US$ 12 bilhões, que se estenderão nos próximos anos, incluindo melhorias em seus principais hubs em Atlanta, Los Angeles, Nova York, Salt Lake City e Seattle.

Português (Portuguese)