Os clientes poderão contar com a experiência totalmente renovada do Aeroporto Internacional de Los Angeles 18 meses antes do planejado.

Eric Garcetti signs Delta beam

O prefeito de Los Angeles, Eric Garcetti, juntou-se aos líderes da Delta e da Los Angeles World Airports (LAWA) na quinta-feira, 12 de novembro, para anunciar a aceleração do projeto de modernização do terminal Delta Sky Way, um projeto de US$ 1,86 bilhão para renovar, atualizar e conectar os terminais 2 e 3, assim como o Terminal internacional Tom Bradley, que agora estará pronto na metade de 2023.

O anúncio foi feito durante uma cerimônia de “acabamento” na quinta-feira, quando a viga de aço final foi fixada para completar a estrutura do edifício central, onde o saguão de check-in consolidado da Delta, o posto de controle de segurança e a área de retirada de bagagem estarão localizados.

“LAX é um pilar central da nossa força econômica, parte do tecido conectivo que leva nossa cidade ao resto do mundo, e continuamos focados em melhorar sua infraestrutura, fortalecer nossas equipes de trabalho e transformar a experiência do viajante”, disse o prefeito Garcetti. “Mesmo enquanto enfrentamos a crise imediata da COVID-19, estamos acelerando nosso trabalho para criar um aeroporto de primeira linha, onde os visitantes serão recebidos por terminais reinventados, os funcionários trabalhem em empregos bem remunerados e a cidade do futuro realmente decola”.

Consolidated baggage claim

O menor volume de passageiros em LAX e nos Estados Unidos como um todo estão permitindo o fechamento temporário do Terminal 3 e a aceleração do projeto, tornando possível a inauguração da instalação na metade de 2023, em vez do final de 2024.

“Se há uma fresta de esperança para o fato de haver menos pessoas voando agora, é termos a oportunidade e uma equipe com know-how para impulsionar o futuro em projetos de infraestrutura como o Sky Way em LAX, que proporcionará uma experiência excepcional para nossos clientes e funcionários muito mais rápido do que o planejado”, disse o vice-presidente da Delta – Imóveis Corporativos, Mark Pearson. “Tudo isso é possível graças ao incrível apoio da LAWA, da cidade de Los Angeles e de nossos parceiros de construção, que estão alinhados com nossa visão, bem como de nossos funcionários, que continuam a ser ágeis no suporte aos clientes em cada fase da construção.”

A sede central da Delta em LAX será inaugurada no primeiro trimestre de 2022. A instalação também oferecerá conectividade e segurança entre os terminais 2 e 3, o que atualmente só é possível por meio de ônibus. O projeto também propiciará acesso ao LAX Automated People Mover (sistema de trem elétrico e automatizado para o transporte de passageiros entre os terminais do aeroporto*), a ser inaugurado em 2023.

O presidente do Conselho de Comissários do Aeroporto, Sean Burton, acrescentou: “Ao trabalhar em estreita parceria e cooperação com a Delta Air Lines, a Los Angeles World Airports está aproveitando as oportunidades para ser eficiente e entregar esse projeto antes do previsto em mais de um ano. “Somos gratos à Delta e a todos os nossos parceiros que estão nos ajudando a construir instalações de primeiro nível, dignas de nossa grande cidade”.

Delta Sky Way at LAX

“À medida em que reimaginamos o Aeroporto Internacional de Los Angeles, a modernização dos Terminais 2 e 3 é um exemplo de como estamos realizando nosso objetivo de ser um dos melhores aeroportos internacionais do mundo, criando novos espaços e experiências para os passageiros que são modernos, simplificados e construídos em uma estrutura de tecnologia avançada”, disse o CEO da LAWA, Justin Erbacci. “A sede que será inaugurada se tornará uma nova porta de entrada para os clientes da Delta Air Lines, criando um ponto chave de ligação para os terminais norte e proporcionando fácil acesso ao trem Automated People Mover quando ele começar a operar em 2023”.

Quando concluído, o moderníssimo LAX oferecerá mais capacidade de triagem de segurança, faixas de segurança automatizadas, mais assentos na área dos portões de embarque e o maior Delta Sky Club da companhia. Isso se soma às outras comodidades que os clientes da Delta vão encontrar em LAX, incluindo o espaço exclusivo de check-in Delta One e um programa de concessão de nível internacional em parceria com a Unibail-Rodamco-Westfield Corporation.

Outros recursos e benefícios importantes incluem:

  • Um complexo com 27 portões de embarque nos Terminais 2 e 3 com uma conexão segura ao Terminal Internacional Tom Bradley, permitindo que a Delta e seus parceiros globais utilizem os portões de maneira eficaz em todos os terminais, ao mesmo tempo em que propicia aos clientes cruzar facilmente de um para o outro usando corredores convenientes, reduzindo o tempo de conexão em até 20 minutos.
  • Uma nova sede com saguão centralizado, posto de controle de segurança, área de retirada de bagagem e Delta Sky Club.
  • Saguão do Terminal 3 reconstruído com novos portões de embarque e uma renovação completa do edifício satélite feito no estilo dos anos 1960. O Terminal 3 será maior, terá mais portões e espaços para sentar e contará com lojas premium e restaurantes.
  • O maior Delta Sky Club da companhia terá um bar duplo interno/externo, um Sky Deck externo em funcionamento o ano todo e chuveiros diferenciados, entre outras comodidades.
  • Uma experiência de check-in Delta One renovada para agilizar esse procedimento, proporcionar o acesso a filas de segurança aceleradas e muito mais.
  • Banheiros convenientes e contemporâneos.
  • Mais acesso a tomadas nos assentos das áreas dos portões de embarque.
  • Acabamentos de última geração que proporcionam uma maior sensação de espaço e conforto.
  • Sinalização moderna e intuitiva.
  • Conexão com o trem Automated People Mover, que deve estar totalmente operacional em 2023, ligando-se às instalações de Transporte Intermodal – Oeste, escritórios de locação de veículos, e, finalmente, ao metrô de superfície, tornando mais fácil para os viajantes irem de Los Angeles até o terminal do aeroporto sem entrar em um carro.
  • Eficiência do campo de aviação, graças às faixas duplas de taxiamento, que permitem um movimento mais ágil da aeronave e chegadas pontuais.

“Construímos uma rede doméstica e internacional robusta em Los Angeles, na qual os clientes passaram a confiar rapidamente”, disse o vice-

Consolidated check-in lobby

presidente de Vendas da Delta, Scott Santoro. “Continuamos comprometidos em oferecer os destinos e serviços que os passageiros da Delta em Los Angeles esperam, à medida em que, conforme vamos nos recuperamos da pandemia, o projeto Sky Way avança e nossa rede está posicionada para ser mais forte do que nunca fora daqui”.

O projeto Delta Sky Way faz parte do Programa de Modernização LAX de US$ 14 bilhões, que trará um aeroporto transformado antes dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2028 em Los Angeles, dos quais a Delta é a parceira fundadora inaugural. Ele está sendo concluído em parceria com a LAWA e a cidade de Los Angeles e é parte dos projetos de infraestrutura aeroportuária da Delta orçados em mais de US$ 12 bilhões, no qual a companhia está investindo para aprimorar vários de seus principais hubs, como Atlanta, Los Angeles, Nova York, Salt Lake City e Seattle.

A Delta também acelerou a renovação, que custará US$ 3,9 bilhões, de seu hub Nova York- LaGuardia. Agora, a conclusão está prevista para o final de 2025, seis meses antes do programado. Enquanto isso, o novo Aeroporto de Salt Lake City, inaugurado em setembro deste ano, terá o trabalho de pavimentação da área destinada à circulação de aviões e a instalação dos portões de embarque restantes nos saguões A e B finalizados na metade de 2024, um ano antes do marcado.

Legenda das fotos: No topo, uma viga de aço gigantesca é içada e fixada no lugar, marcando a conclusão da Fase 1 do projeto LAX Sky Way. Abaixo da primeira imagem, o prefeito de Los Angeles, Eric Garcetti, assina a viga. As outras duas imagens são perspectivas que mostram o projeto concluído.

Sobre a Delta em Los Angeles

A Delta Air Lines (NYSE: DAL) está comprometida em se tornar a principal companhia aérea premium de L.A. há mais de uma década e, desde então, tem sido a empresa de crescimento mais rápido no aeroporto. LAX continuará a ser um dos hubs mais importantes da Delta, já que, enquanto se recupera da pandemia global, a empresa continua oferecendo serviços para onde os clientes precisam ir. Os voos recentemente adicionados em LAX incluem:

  • México e América Central, com várias viagens diárias para Cancún, Cidade do México e San José del Cabo, além das frequências, nas festas de dezembro, para destinos na Costa Rica, Guatemala e em El Salvador;
  • Destinos na Flórida, incluindo Fort Lauderdale, Orlando e Tampa;
  • Sydney, Austrália;
  • O novo serviço Reno/Tahoe está sendo lançado com três partidas, nos dias de pico, durante o feriado de Ação de Graças,
  • Voos na temporada de dezembro para entusiastas de esqui em Bozeman, Montana; Jackson Hole, Wyoming; e Sun Valley, Utah.
  • Destinos no Havaí, que contam com várias viagens para Honolulu e Maui e serviço para Kona e Lihue.

A Delta é a companhia aérea global dos Estados Unidos líder em segurança, inovação, confiabilidade e experiência do cliente. Impulsionada por nossos funcionários em todo o mundo, a companhia há uma década lidera o setor aéreo em excelência operacional, ao mesmo tempo em que mantém nossa reputação oferecendo um premiado atendimento ao cliente.

Hoje, nada é mais importante do que a saúde e segurança de nossos passageiros e funcionários. Desde o início da pandemia de COVID-19, a Delta agiu rapidamente para transformar o padrão de limpeza do setor, oferecendo aos clientes mais espaço durante a viagem. Essas e várias outras medidas de proteção garantem uma experiência de voo segura e confortável para nossos clientes e funcionários.

*Nota do editor.

Related Topics:
Share