Skip to main content

Delta News Hub Logo

Nivelando os céus: Delta leva 120 meninas à NASA para promover a igualdade de gênero no 5.º Voo WING

A Delta celebrou hoje o International Girls in Aviation Day com seu quinto voo WING anual, “Women Inspiring our Next Generation” (Mulheres que inspiram nossas futuras gerações), levando 120 meninas de 12 a 18 anos de Salt Lake City para a NASA em Houston, trabalhando para diminuir a diferença de gênero na aviação.

Wing Flight 2019

Do nariz à cauda, o voo foi planejado e realizado exclusivamente por mulheres, incluindo pilotos, agentes de rampa em terra, agentes de portão que fazem o embarque e mulheres na torre, guiando a aeronave durante seu percurso.

O Voo WING da Delta começou em 2015 como um esforço para diversificar um setor dominado por homens e expor meninas às carreiras STEM (Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática) desde cedo. O aniversário deste ano resulta em mais de 600 estudantes do sexo feminino levadas pelo céu com a Delta através do programa.

A âncora do NBC News' TODAY da Costa Oeste, Natalie Morales, uniu-se à Delta para cobrir a viagem e levou a bordo uma equipe de filmagem feminina. Assista à reportagem do TODAY.

“Sabemos que a representação importa. Na Delta, acreditamos que você precisa ver para ser”, disse Beth Poole, gerente geral em desenvolvimento de pilotos, que ajudou a iniciar o Voo WING da Delta em 2015 e a organizar o voo desde então. “Estamos assumindo a responsabilidade de melhorar a diversidade de gênero, expondo meninas desde a tenra idade, guiando-as para que, daqui a dez anos, elas sejam pilotos da Delta, inspirando gerações de mulheres.”

Após o pouso em Houston, as meninas viveram a experiência de conhecer os mundos de voo e de exploração espacial humana. Elas visitaram o Centro de Controle de Missões da NASA, no Edifício 9 do Johnson Space Center e o Space Center Houston. Durante toda a viagem, as alunas conheceram mentoras de outros grupos de trabalho da aviação, dominada pelos homens, incluindo uma técnica da equipe de Operações Técnicas da Delta. Elas também almoçaram com Jeanette Epps, astronauta da NASA e engenheira aeroespacial.

WING Flight girls

“Eu nunca imaginei que teria essa experiência. Sou muito grata aos meus pais, que tornaram isso possível e inspiraram meu amor pela aviação”, disse Karyanna H.,16 anos, aluna do Jordan Technical Institute. “É incrível poder estar no STEM. Há muito a ser descoberto ainda.”

O Voo WING representou a primeira vez em que muitas meninas viajaram de avião. Além disso, a Delta também fez parceria com escolas que possuem programas STEM ou de aviação para guiar futuras aviadoras. Entre as alunas de Salt Lake City estavam as meninas do Advanced Learning Center, da Bryant Middle School, do Granite Technical Institute, do Jordan Technical Institute, da Karl G. Maeser Preparatory Academy e do Salt Lake Center for Science Education.

“Não parecia realista seguir uma carreira na aviação, mas hoje percebi que pode ser para mim também”, afirmou Katelyn J., 17 anos de idade, aluna do Advanced Learning Center.

Com a comemoração do Voo WING nos EUA, a Delta também apoiou um International Girls in Aviation Day, em Madri. O evento hoje foi aberto a meninas de 7 a 16 anos com pilotos e técnicos de aeronaves dos EUA e da Espanha para apresentar e proporcionar uma tarde de atividades interativas.

WING Flight pilot with students

 

Defendendo a igualdade

A Delta está dentro da média da indústria da aviação, com aproximadamente 5% de pilotos mulheres. Nos últimos quatro anos, 7,4% dos novos pilotos contratados da Delta eram mulheres. O Voo WING é uma forma de trabalhar para aumentar esses números.

“Adorei poder observar tudo o que essas mulheres bem-sucedidas realizaram. Acho que aprenderemos com elas e seguiremos sua base de sucesso”, acrescentou Shanae C., 17 anos, aluna do Jordan Technical Institute. 

Além disso, a Delta trabalha para nivelar os céus ao defender a igualdade de gênero. Em 2019, a Delta atingiu novamente 100% de paridade salarial para funcionários nos cargos principais e recebeu o prêmio “Melhor local de trabalho para mulheres” do Great Place To Work® e da Fortune pelo terceiro ano consecutivo, sendo a única companhia aérea na lista. A Delta atende mulheres através da parceria com o Women in Aviation International, National Council of Negro Women, CARE e com a Atlanta's Women Foundation. A companhia aérea também capacita e prioriza empresas pertencentes a mulheres em toda a cadeia de suprimentos com um robusto programa de diversidade de fornecedores de 20 anos.

O grupo de recursos de negócios SHE da Delta é um lugar onde funcionários de todos os sexos conversam sobre gênero no local de trabalho. Em maio, o SHE se internacionalizou, ao abrir uma filial na região da Europa, Oriente Médio, África e Índia.

WING Flight on the tarmac

 

Eliminando barreiras

A estratégia de pipeline da Delta concentra-se em investir na próxima geração de talentos, abordando a subrepresentação ao aumentar e inspirar talentos, incentivando as pessoas e eliminando barreiras econômicas, raciais e de gênero. O Voo WING é apenas uma das maneiras pelas quais a Delta desenvolve a futura geração através de iniciativas educacionais direcionadas. A Delta tem uma variedade de programas de pipeline, incluindo o Propel Pilot Career Path Program (Programa de Carreira de Piloto de Propulsão)investimentos em quase 50 programas de treinamento técnico em manutenção de aeronavesAcademias de Voo ACE e Solo, o Voo Dream e muito mais.

O apoio da Delta às alunas também inclui suas parcerias sem fins lucrativos com organizações como a Junior Achievement, Young Enterprise, Atlanta Public Schools, 3DE e KAboOM!, desenvolvendo comunidades mais sustentáveis ao financiar a educação.

PARA A MÍDIA: Clique nos links para acessar o b-roll e entrevistas em vídeo.

 

 

 

Português (Portuguese)